Instituto Federal do Espírito Santo

Campus Santa Teresa

Trabalho com Pitaya foi premiado no Encontro Latino Americano de Pós-Graduação

Atenção, abrir em uma nova janela. PDFImprimir

Nos dias 27 e 28 de outubro de 2016 foi realizado na Universidade do Vale do Paraíba, São José dos Campos - SP, o XVI Encontro Latino Americano de Pós- Graduação.

O trabalho intitulado “Fontes de adubos orgânicos na Produção de mudas de Pitaia” foi premiado entre os cinco melhores na área de engenharia agronômica entre um total de 1000 trabalhos inscritos.

Orientado pelo professor Hediberto Nei Matiello, o trabalho foi desenvolvido no setor de viveiricultura do Campus Santa Teresa pelo estudante do 10º período do curso de agronomia, Felipe Pereira Dal’col, com o objetivo de avaliar a qualidade de mudas de pitaia (Hylocereusundatus) tratadas com duas fontes de adubos orgânicos.

A demanda por mudas de maior qualidade decorre do interesse em expandir o cultivo da pitaia na região. Trata-se de uma espécie rústica, resistente à seca, com fruto de cor e polpa bem exótico, rico em fibras e sais minerais, para consumo in natura usado como alimento nutracéutico em dietas de emagrecimento e funcionalidade intestinal.

Sua área de produção está centrada no estado de São Paulo e os primeiros cultivos capixabas, realizados por pequenos produtores, indicam grande adaptação e potencial de produção.

O Ifes Campus Santa Teresa através de trabalhos de iniciação científica e projetos de estudantes dos cursos de técnico em agropecuária e Agronomia, pretende estudar técnicas de cultivo orgânico e sistemas de condução da lavoura de pitaya na região.

Fonte: Prof. Hediberto Nei Matiello

 


Coordenadoria de Tecnologia da Informação.

Desenvolvido com Joomla!